Chegou aquela altura do ano

O final do ano traz sempre consigo uma enxurrada de previsões e de estimativas. Em todos os matutinos, especialistas são convidados a darem o seu prognóstico para o ano vindouro.

Maior Menor
Por 4 de dezembro de 2017

.: Enxurrada de previsões
.: Nostradamus
.: Apenas e só
.: Manhãs alegres, tardes tristes
.: Agradecimento

00:10 - Enxurrada de previsões

O final do ano traz sempre consigo uma enxurrada de previsões e de estimativas.

Em todos os matutinos, especialistas são convidados a darem o seu prognóstico para o ano vindouro.

Apesar do desacerto do ano passado, os economistas dão lustro à sua bola de cristal e arriscam novamente um palpite.

Erraram completamente em 2017.

Mas este ano foi atípico, pouco prestável à modelagem.

O próximo é que é…

01:03 - Nostradamus

Na mudança de calendário, tudo é perdoado.

2018 será enfiado numa folha de cálculo e, se deixar correr a macro, o futuro sairá na outra ponta. (Isto faz algum sentido?)

Tenho a certeza de que não sou o único que se dedica a questionar as práticas da indústria, mas, regra geral, ninguém quer saber.

Os investidores querem conforto nas suas decisões e os analistas adoram a atenção.

Ninguém gosta realmente que lhes lembrem que o futuro é inteligível.

02:09 - Apenas e só

Se conseguir esquecer por um momento o seu desejo de controlo, o melhor que pode fazer é construir uma carteira com assimetrias atrativas entre ganhos e prejuízos potenciais.

Apenas e só.

Se construir um portfólio a pensar que apenas um cenário se pode materializar…

… então o prejuízo no acaso de um evento contrário pode arruinar o seu património.

03:33 - Manhãs alegres, tardes tristes

Enquanto escrevo, notícias de um Brexit mais suave ajudam a solevar os mercados europeus nesta segunda-feira.

A moeda única desvaloriza em relação ao dólar, o que também ajuda o sentimento por aqui.

Depois de uma semana complicada, o DAX na Alemanha e o CAC40 em França começam o dia no verde.

Para quem acompanha o mercado diariamente, sabe que, nos últimos dias, as manhãs têm sido más conselheiras.

Veremos.

04:07 - Agradecimento

Aproveito este minuto para agradecer a todos os leitores que participaram no lançamento do maior projeto da Empiricus para o imobiliário.

Das 100 vagas disponíveis, nada menos que 78 já foram preenchidas em apenas três dias.

Deixe-me ser claro: nada disto seria possível sem o seu apoio.

Sob outra perspetiva, este interesse é um sinal que o setor continua bastante apetecível para os investidores.

Por isso, se ainda não está entre os que querem aproveitar a oportunidade para obter lucros de até +52% recomendo extrema rapidez.

Pedro Gonçalves, Editor-chefe

Pedro Gonçalves foi Portfolio Manager no Millennium Investment Banking. É licenciado em Finanças pelo ISCTE – Business School e mestre em Gestão pela Universidade Católica Portuguesa. Atualmente, é editor-chefe da Empiricus Portugal.