O único estilo de vida não é poupar, é investir

Resumiria Warren Buffett: “o mercado acionista é o mecanismo pelo qual se transfere dinheiro do impaciente para o paciente”.

Maior Menor
Por 9 de Abril de 2018

.: Toma lá, dá cá
.: Mão invisível
.: Risk/Reward
.: Segurança financeira
.: Quanto mais cedo melhor

00:20 - Toma lá, dá cá

Investir no capital das empresas tem sido, ao longo dos anos, a estratégia mais lucrativa, especialmente para aqueles que foram afortunados com uma boa dose de paciência.

Para todos os outros – demasiado emocionais – a bolsa tende a ser um verdadeiro martírio.

Resumiria Warren Buffett: “o mercado acionista é o mecanismo pelo qual se transfere dinheiro do impaciente para o paciente”.

Spot on.

01:12 - Mão invisível

Por mais que exista um certo ressentimento por estas bandas em relação ao investimento bolsista, a verdade é que o mercado de ações é verdadeiramente justo e imparcial.

Na bolsa ninguém julga o seu histórico financeiro, a sua cor, o seu género ou a sua religião.

É uma plataforma para todos, tanto para ricos como para pobres.

As cotações obedecem apenas a uma lei, a da oferta e da procura.

Não existe porteiro, portanto, para ganhar dinheiro só precisa de participar.

02:30 - Risk/Reward

O binómio risco-retorno afirma que quanto o maior o risco, maior é a recompensa…

Esta noção – aparentemente intuitiva – parece escapar a muitas pessoas, mas quem investe em ações aprende esta lição na prática.

Não raras vezes, muitos novos investidores vendem as suas ações quando o mercado de ações atinge o fundo do poço, exatamente quando os retornos promissores são maiores…

Em contrapartida, se for paciente e tolerar algumas perdas, será largamente recompensado quando os preços dispararem…

03:01 - Segurança financeira

Normalmente, as pessoas começam a investir muito tarde na vida.

Esta situação cria um grave problema – até porque empola os fatores emocionais das decisões de investimento.

Dada a natureza volátil do mercado, quanto mais tarde começa, menos tempo terá para esperar caso aconteça uma grande correção no mercado e acaba por vender na hora errada.

Reforço a ideia: investir em ações precisa de ser feito cedo na sua carreira e com muita disciplina.

Ao fazê-lo poderá elevar o seu patamar financeiro – o momento em que o capital que poupou começa a trabalhar para si.

04:10 - Quanto mais cedo melhor

Aqui na Empiricus não nos cansamos de referir a importância de começar a investir o mais cedo possível…

Não deve, no entanto, descurar que existe um risco assinalável de perda, portanto, é aconselhável ser cuidadoso quando aventurar-se no mundo das ações, realizando uma pesquisa adequada e profunda sobre os títulos em que deseja investir.

Estas ferramentas estão disponíveis para todos os nossos leitores num dos nossos projetos mais recentes.

Vale a pena passar os olhos.

Pedro Gonçalves, Editor-chefe

Pedro Gonçalves foi Portfolio Manager no Millennium Investment Banking. É licenciado em Finanças pelo ISCTE – Business School e mestre em Gestão pela Universidade Católica Portuguesa. Atualmente, é editor-chefe da Empiricus Portugal.