Ordens de bolsa

Voltar

Existem várias ordens que podem ser deixadas com um corretor para se comprar ou vender ações. As três ordens mais comuns são:

Ordem de Mercado – é uma ordem de compra ou venda para ser executada imediatamente ao preço atual. No entanto, se a ordem for muito grande pode não existir profundidade de mercado e o investidor é servido a um preço mais baixo. São usadas quando se dá preferência à certeza de execução e não tanto ao preço da execução.

Ordem de Limite – é uma ordem de compra ou venda com um preço limite. Nesta ordem o importante é o preço a que é executada e não a eficácia da mesma. Caso o preço de mercado se desvie no sentido contrário ao do preço limite a ordem pode apenas ser parcialmente executada, ou nem sequer chegar a ser.

Ordem de Stop – é uma ordem condicional, também conhecida como stop-loss. O objetivo desta ordem é proteger o investidor de uma queda superior ao desejado. Assim, o investidor pode, juntamente do corretor, deixar uma ordem que o faz sair da posição caso a ação atinja um preço definido pelo investidor.

  •  
  •